5.11.16

São Paulo, 04 de novembro de 2016

Na vida sem medida que a gente leva
Demora muito tempo para chover
Amanhecer tem hora
E quando enrola:
Tem os pontos do poder.

Assina aqui
Assina 
Ali!
Assassinatos!

Protocola lá 
E acolá
Decola!
              [Miami, Paris, Barcelona]

Onde foi que eu esqueci que a dona do meu dia sou eu?
Onde foi foi que eu me perdi?
Roubaram a luz dos olhos meus 
E botaram-na no farol:

Vermelho, verde
Amarelo!
Vai, passa!
Não, fica!

Quem tem emprego tem medo?
Quem não tem medo larga o emprego
E vai botar a vida
Em frente à locomotiva.

Nenhum comentário: